cachorro-e-veterinrio

 

 

Quais os primeiros passos que os donos devem tomar ao escolher uma clínica veterinária?

Verificar as condições técnicas, as condições de higiene e ainda conversar com o profissional para conhecê-lo melhor, bem como também conhecer toda a equipe que irá prestar serviços para você.

É importante conhecer o veterinário ou ter indicações?

Eu acredito que dependerá de cada situação, pois muitas são as escalas de valores das pessoas. Para umas a referência será fundamental, para outras a relação pessoal, ou seja, uma média das duas seria bem interessante.

Cursos de especialização e faculdade de renome fazem a diferença?

Em um cenário atual da Medicina Veterinária, infelizmente digo que sim, pois, com o aumento absurdo de cursos de Medicina Veterinária liberados de forma inconsequente pelo MEC, a qualidade do ensino e da formação do médico-veterinário caiu bastante nos últimos anos.

Existem faculdades que sequer possuíam hospitais veterinários quando foram abertas!

Mas sempre existem exceções. A dedicação pessoal de cada profissional conta e muito, e a busca por especializações mostra que a excelência é um desejo de todos os que entendem que a técnica é a base para o crescimento profissional.

Quais equipamentos básicos devem ter no consultório?

Um consultório só perde para um ambulatório em especificidade e tamanho, além de ser previsto em legislação que ele só poderá fazer atendimentos e pequenos procedimentos como curativos e aplicação de medicamentos, ou seja, é PROIBIDA a realização de cirurgias e mesmo da famosa “extração de tártaro”, ou melhor, da tartarectomia.

É bom escolher um veterinário e ficar com ele sempre? Ou tudo bem ficar pulando de um em um?

Ter a confiança em um profissional é sempre o melhor caminho. Poderão existir momentos em que será necessária a presença de mais de um colega, como, por exemplo, no caso de indicações de casos clínicos para especialistas, mas os bons e éticos profissionais somente atenderão ao quadro e depois retornarão os clientes aos seus respectivos colegas de origem.

Quais características são fundamentais no profissional?

Quando procuro profissionais para preencher vagas de consultoria em meus trabalhos, eu procuro pessoas que, além de uma boa capacidade técnica, apresentem algumas características que acredito serem um grande diferencial competitivo, e que você como proprietário de animal de estimação pode usar, como, por exemplo, a simpatia, empatia, cordialidade, paciência, predisposição para ouvir o cliente, tranquilidade e comprometimento.

Conversar com os clientes e pedir informações sobre o profissional é importante, mas a confiança e a relação pessoal construída a partir da sinceridade entre as partes, através do respeito e da troca de responsabilidades para obter o bem-estar do animal e de sua família, serão um grande diferencial!

 

Fonte: http://idmedpet.com.br/- Sergio Lobato é Médico Veterinário, consultor e palestrante em Gestão da Inovação e Marketing em Medicina Veterinária. CRMV 4476. www.sergiolobatopetmarketing.blogspot.com